Arquivos do Blog

Sanitários Ecológicos

Há 4 formas gerais de se manejar as excretas humanas:

1. Descarregar como um material de resíduo :

Resíduos são jogados na própria terra (fossas)

Resíduos são jogados em rios e riachos

“Tratados” com sistemas diferenciados (tratamentos com plantas simples e sofisticadas)

2. Aplicar as excretas diretamente em terras agrícolas:

Esta prática é muito comum na Ásia, porém pode trazer sérios problemas para a saúde se mal manejadas. Esta prática tem sido usada pela China por milhares de anos.

3. Compostar os resíduos de forma lenta a baixas temperaturas, por um longo período de tempo:

É a forma como trabalham a maior parte dos sanitários ecológicos, com temperaturas relativamente baixas (37graus C a menos). Este tipo de composto ajuda a “reciclar” nossos resíduos, porém não é recomendado usar o composto terminado no cultivo de hortaliças.

4. Compostar os resíduos à altas temperaturas por um longo período de tempo:

Alcançando temperaturas acima de 55 graus C, os microorganismos “termofílicos”(que gostam de viver em altas temperaturas) criam um ambiente na compostagem que destróem os patógenos que podem existir nas excretas humanas, convertendo estes em um composto seguro para o cultivo alimentícios.

Na América Latina, 98% das excreções humanas são despejadas sem tratamento algum !

 

PORQUE USAR UM SANITÁRIO ECOLÓGICO ?

  • Porque uma pessoa que utiliza o banheiro convencional, consome em 1 ano a quantidade de água que poderia beber em 40 anos de vida. Se todas as pessoas do mundo usassem água de toilete, não haveria água para chegar no seu copo.
  • Não contamina a água. Uma família de 5 pessoas que usam banheiro comum contaminam mais de 150.00 litros de água para trasnportar 250 kilos de cocô e 2.500 litros de urina em 1 ano.
  • Não utiliza energia. Se utiliza muita energia para levar a enorme quantidade de água para os banheiros. E quando existe, gasta muita energia para trasnportar as ” águas negras”.
  • Não desperdiça nutrientes. A urina e as fezes bem tratados, servem de nutrientes para o solo. Uma pessoa produz em média, 450 litros de urina e 50 kilos de fezes em 1 ano, que poderiam utilizar-se para enriquecer e manter a fertilidade do solo ao invés de contaminar a água.

Composição das fezes humanas – 135-270 gramas por dia por pessoa

Materia orgânica (base seca) ……………………………………….. 88 – 97 %

Umidade ………………………………………………………………. 66 – 80 %

Nitrogênio …………………………………………………..………..5 – 7 %

Fósforo ………………………………………………………..…… 3 – 5.4 %

Potássio ……………………………………………………………. 1 – 2.5 %

Carbono …………………………………………………………….40 – 55 %

Cálcio ……………………………………………………………… 4 – 5 %

Relação C/N …………………………………………………………5 – 10 %

Composição da urina humana: 1 – 1.3 litros por pessoa

umidade……………………………..………………………………… 93 – 96 %

Nitrogênio ………………………………………………………………..15 – 19 %

Fósforo …………………………………………………………………… 2.5 – 5 %

Potássio …………………………………………………………………… 3 – 4.5 %

Carbono ……………………………………………………………………11 – 17 %

Cálcio ………………………………………………………………………4.5 – 6 %

Fonte: Gotaas, Composting. (1956), p. 35

Fonte: http://www.laneta.apc.org/esac/citaesp.htm
Material cedido: Claudio Alfaro

Anúncios

Banheiro Seco

banheiro seco

O Banheiro Seco é uma alternativa ecológica ao banheiro comum (que utiliza água para levar os dejetos até centros de tratamento ou diretamente aos arroios e rios).

O banheiro seco não produz maus odores e não consome nada de água. É uma alternativa ecológica porque considera os ciclos naturais. O sistema de banheiro com descarga é um sistema altamente poluidor e gera grandes gastos com encanamentos, tratamento, além de problemas de saúde pública.

Ele parece um banheiro normal, mas as fezes não somem. As fezes ficam então secas e é preciso ainda jogar um pouco de serragem sobre elas. Existem vários modelos de banheiro seco e todos eles são completamente sem cheiro, quando bem feitos! As fezes podem ser coletadas num grande tonel abaixo da patente (bem vedado) e, ao estar cheio, é trocado e o tonél passa por um período de tempo fechado (6 meses) e após isso, mais 6 meses em uma composteira, de onde sai adubo excelente para árvores frutíferas.

Outro modelo é o da rampa, onde as fezes vão rolando e se acumulam numa caixa inclinada, com orientação solar norte, e com uma chaminé por onde saem os gases produzidos na decomposição.

Fonte: IPEMA

banheiro2

 

Saiba mais sobre composto humano:

https://reciclaflores.wordpress.com/2011/01/28/sanitarios-ecologicos/